terça-feira, 15 de fevereiro de 2011
Matéria Publicada na Revista Digital Click Magazine - http://www.clickmag.com.br/

Diariamente ouço esta afirmação, são tantas pessoas precisando vender, mas não conseguem. Mas vendas é criatividade, habilidade, observação, investigação e muita inteligência.
Investigar significa que você precisa efetuar questionamentos inteligentes e pertinentes ao assunto de vendas. Portanto é hora de perguntar, observe nas respostas do cliente suas necessidades explícitas (o que o cliente quer) e implícitas (que o cliente precisa mas não reconhece). Não devemos presumir o que o cliente quer, mas identificar, por meios de métodos seguros, quais são os seus desejos. Inteligência em é usar as informações disponíveis na sua empresa, na internet para melhorar o seu desempenho.
Planeje cada visita e conheça a fundo cada cliente. Usando a inteligência em vendas você pode planejar e pré-antecipar cada visita. Vá ao cliente sabendo o que venderá, qual o volume médio de compra, quais os itens que o cliente compra regularmente do seu portfólio e o que sua empresa pode vir a oferecer. Assim você pode desenvolver um papel de consultor, ou seja, trazer novas soluções para o seu cliente.
Em inteligência em vendas o objetivo não é substituir o vendedor, mas sim criar um novo contexto, uma nova forma de atuação. Estudar a empresa e seu comportamento de compra, conhecer o seu segmento de mercado e concorrentes, verificar os tipos de produtos necessários e estudar cada grupo de cliente deve fazer parte da rotina de qualquer vendedor bem-sucedido.
Dar ao seu cliente o que ele espera a concorrência já faz. Fazer uso da inteligência em vendas significa fazer visitas, atendimento pessoal ou contatos telefônicos mais qualitativos.

VENDA NÃO É TUDO, MAS TUDO DEPENDE DE VENDAS.
Sucesso!!!

Natasha Bacchi - Especialista em Marketing e Vendas - natasha@alcancemarketing.com.br

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011
A Lei Cidade Limpa (10.966/10) sancionada em 29 de julho de 2010 e obrigatoriamente aplicada a partir de 02 de fevereiro de 2010, está fazendo nossa cidade passar por uma grande transformação.
O que deve ficar claro é que a Lei é referente a mudanças em relação ao tamanho dos anúncios e letreiros, e não em relação à fachada. Fachada então é toda a estrutura externa do estabelecimento.
A princípio, você pode pensar como vão enxergar minha empresa?
Vamos pensar pelo lado positivo e a longo prazo...
Você nunca se deparou, ou ouviu falar de um vizinho que avança tanto com o letreiro e que acaba escondendo a sua empresa?
Então eu pergunto, será que isso irá acontecer agora?
Depende da criatividade, pois existem várias opções que podem ser aproveitadas:
1. No caso de fachadas com arquitetura antiga, você pode usá-la a seu favor, como um diferencial do restante dos estabelecimentos vizinhos. É isso o que ocorre em várias cidades fora do Brasil, ou mesmo mais próximo como Recife e São Paulo. Grandes empresas se beneficiam de estar em pontos históricos para chamar a atenção de seus clientes, ou mesmo, para se destacar de outros estabelecimentos da cidade. Verifique então se o seu estabelecimento tem alguma “história”.
2. Se você não gosta da fachada da sua empresa, ainda mais agora que ela ficou totalmente exposta, pense em criar uma nova arquitetura para ela, criando estratégias para se diferenciar completamente de outras empresas, atraindo o seu cliente e criando uma identidade visual nova.
3. Se nenhuma das opções anteriores são possíveis devido ao valor do investimento necessário, principalmente para novas fachadas, a alternativa é adaptar o que já existe com uma nova “maquiagem”, trabalhando cores, texturas, acabamentos (pedras, madeira, alumínio, ferro, cerâmica, etc...). Além disso, tudo o que você teve que mudar externamente, você pode aproveitar o conceito internamente, trabalhando o nome da sua empresa, as cores, o acabamento e o estilo.
Percebam que são pequenas sugestões que já vão fazer grande diferença e evitar que sua empresa passe despercebida, pois afinal a fachada deve atrair a atenção do cliente sem cansá-lo.
Um exemplo, quando informamos sobre a localização da nossa empresa: ao invés de darmos como referência outro ponto comercial (como banco, praça, igreja, etc), podemos informar o nosso endereço pela rua, pelo número e pelo detalhe da fachada.
Você pode aproveitar toda essa mudança a seu favor, através das ações de marketing que poderão trazer ainda mais o seu cliente em contato com sua empresa. Mas que ações?
Fica pra próxima...Até mais!
Alguns Exemplos:
Loja de vinhos em Nova York que tem o letreiro pequeno mas utiliza a vitrine como destaque

Loja na Espanha que aproveita a arquitetura na fachada

Loja em São Paulo que destaca a cor para fazer o contrate com prédios vizinhos

Loja em Londrina que aproveitou a fachada com destaque em madeira

Loja em Londrina que trabalha com tintas e usou as cores da logomarca da Suvinil (destaque de mercado) e deixou a fachada bem colorida, vai ficar fácil torna-se referencia da Rua Quintino Bocaiúva.

Logo traremos mais fachadas prontas da cidade!!!

Matéria escrita por:
Cristiani Rossetto Basso - Especialista em Marketing Visual - cris@confortovisual.com.br
Natasha Bacchi-Especialista em Marketing e Vendas - natasha@alcancemarketing.com.br
quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011
Hoje é um novo dia, para ser, estar e fazer. Esta é a nossa rotina todos os dias. Apesar de parecer monotono e macânico, estamos todos os dias acrescentando novidades na nossa vida pessoal e profissional, um aprendizado constante.
Se você tem a sensação de que as coisas não são como você gostaria, não se desespere, pode ser um bom sinal. Sinal de que você não aceita a acomodação e a simples contemplação dos acontecimentos e precisa de movimento.
Se você tem esta consciência, PARABÉNS. Você é do tipo de pessoa que sempre vai realizar o que deseja e inspirar muitas outras a fazer o mesmo.
Tenha consciência de cada passo que dá em direção ao futuro. Esteja preparado para os desafios que vem a frente e quando estiver muito difícil seja ousado. Mantenha viva aquela criança em você, que não faltarão soluções criativas para os maiores problemas. Ponha o seu cérebro pra funcionar, planeja e tenha uma estratégia para entrar em ação neste dia.
E não esqueça que tudo só valerá a pena se você tiver um propósito. Você tem?

Natasha Bacchi - Especilaista em Marketing de relacionamento e vendas
natasha@alcancemarketing.com.br

Perfil

Minha foto
Natasha Bacchi
Especialista em Marketing Pessoal, CRM (Gestão do relacionamento com o cliente), excelência em atendimento e vendas.
Visualizar meu perfil completo

Compartilhe

Seguidores